Correu mal...

Correu mal... Correu mal os furinhos, correu mal a bruta da enfermeira a tirar-me os brincos, correu mal, as lágrimas a cairem-me cara a baixo com as dores físicas e psicológicas, por ter de os tirar...

Sábado,  depois de 3 idas à farmácia e 2 ao centro de Saúde, arrancaram-me os brincos sem dó nem piedade... Há enfermeiras que não tem vida para exercer, juro, e aquela era de facto uma delas... Só me apetecia fazer-lhe sei lá o quê... Nem vos vou contar os pormenores mais sórdidos, vou apenas dizer que, o furo da cartilagem infectou de tal forma, que quando cheguei ao médico, por estar um pouco desesperada e com um "bocadito" de dores, ele ficou atónito ao saber que eu tinha 5 brincos numa orelha, quando ele só via 4.  Nem estava a acreditar em mim! Só acreditou quando viu a parte de trás da orelha e percebeu que lá estava o "fecho" do 5º! 

Depois de algumas dores antes, durante e depois,  (muitas!!!) lá me arrancaram aquilo, e obrigaram-me a tirar os restantes que tinha. 

Mas porque sou teimosa e porque o antibiótico está a surtir efeito, dos 4 furos que fiz, 3 já têm brinco de novo, aos poucos, e depois de muito betadine, as coisas estão a ir... O da cartilagem vou esquecer...

Desculpem este post tão deprimente, mas queria apenas deixar o meu testemunho e revolta.

Quanto à lição, aprendi: Não fazer 4 furos, 2 em cada orelha, no mesmo dia!!! De preferência espaçar tipo de um em um mês...

Enviar um comentário